31 de out de 2008

Dia das Bruxas...




E por um acaso do destino, hoje também é meu aniver.
Sei que as bruxas são associadas a coisas ruins, mas acho elas tão simpáticas. Adoro bruxinhas! Passei a gostar ainda mais quando li muito sobre elas, e entendi que, na verdade elas gostam de cultivar os elementos da natureza, buscar o equilíbrio das coisas. Elas apreciam a chuva e o cheirinho da terra molhada, as ondas do mar vindo e voltando, a lua no céu, o sol que ilumina e aquece... Muitas pessoas colocam algumas ervas dentro de um pouco de água fervida e curam uma doença; jogam alguns ingredientes dentro de uma panela e os transformam em um saboroso alimento; plantam uma semente no quintal, ou em um vaso, cuidam até que cresça e se torne uma linda flor, ou árvore frutífera... Isso tudo pode ser considerado bruxaria. Por isso não fico triste por fazer aniversário no dia dedicado à elas, minhas amiguinhas.
Este ano tenho muitas coisas p/ agradecer, talvez mais ainda do que nos outros. Antes, devido a correria do dia a dia, não parava para apreciar coisas que me pareciam simples, coisas que faziam parte da minha rotina. Mas hoje, aprecio e valorizo coisas como: poder me alimentar sozinha, pentear meus cabelos, trocar de roupas, caminhar, fazer o que quero sem depender dos outros... só quem perdeu tudo isso, mesmo que por pouco tempo, é capaz de dar valor a coisas tão simples, coisas que fazemos sem nem mesmo pensar.
Neste dia agradeço à Deus por me permitir continuar vivendo, e a cada dia vencendo desafios e etapas da minha existência. Agradeço pela família que Deus me deu, pq sem eles eu não teria vencido esta grande luta. Obrigado Deus por ter me dado os melhores pais, as melhores irmãs, o melhor irmão, e como se não bastasse, ganhei os sobrinhos mais fofos do mundo. Obrigado por que tenho muitos amigos, que mesmo alguns estando distantes, continuam demonstrando seu carinho e seu amor por mim. Obrigado por ter colocado sempre os melhores profissionais no meu caminho, para me atenderem e me ajudarem na minha recuperação, sei que isso fez toda a diferença.
Hoje, mais do que nunca, consigo ver a mão de Deus em todas as coisas.

" Mais um ano percorrido ao longo da estrada da vida,
pedras e flores pelo caminho, espinhos aqui e acolá.
Mais um ano de aprendizado, de mudanças e constâncias
A cada passo dado uma novidade, a cada dia um ensinamento.
Por mais que pareçam iguais os dias do ano passado,
cada um foi exclusivo em si.
Venci mais uma etapa, sempre de cabeça erguida
sempre fiel a meus princípios.
Que muitos mais anos ainda se acrescentem em minha vida,
e que eu possa ser para todos um exemplo de perseverança."

Nenhum comentário:

Postar um comentário